Tingui do Cerrado

Tingui, Tingui-do-Cerrado, Cuitê, Tingui-Capeta, Timbopeba, Tingui-de-Cola e Tangui (MA).

Descrição

Conhecido como: Tingui, Tingui-do-Cerrado, Cuitê, Tingui-Capeta, Timbopeba, Tingui-de-Cola e Tangui (MA).

 

Nome científico: Magonia pubescens A. St. – Hil.

 

Sementes por kg: 1 kg de sementes contém aproximadamente 447 unidades.

 

Família: Sapindaceae.

 

Origem: Alagoas, Bahia, Ceará, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte, São Paulo, Sergipe.

 

Utilidades: A madeira é empregada na construção civil, como caibros, ripas, para confecção de esquadrias, batentes de portas e janelas e, para lenha e carvão. A infusão da casca da raiz é empregada para tinguijar (intoxicar) os peixes das lagoas para posteriormente serem capturados. As sementes são usadas na indústria caseira para compor arranjos florais secos. A árvore é bastante ornamental, principalmente pela folhagem com aspecto redilhado; pode ser empregada na composição de jardins e praças e, principalmente para arborização de ruas estreitas. Planta pioneira adaptada a terrenos fracos, é indicada para plantios de áreas degradadas de preservação permanente.

 

Crescimento: O desenvolvimento das plantas no local definitivo é também moderado, podendo atingir 2,5 m aos 2 anos.

 

Quebra de dormência: A escarificação mecânica e embebição em água por 24h mostrou-se um método eficiente para quebra de dormência tegumentar desta espécie.

 

Tempo de germinação: 15-25 dias e a germinação geralmente é elevada.

 

Características: Planta decídua, heliófita, seletiva xerófita, amplamente distribuída nos cerrados do Brasil Central. Ocorre em moderada frequência tanto em formações primárias como secundárias, porém sempre em terrenos altos e bem drenados.

 

Ocorrência: Ceará até Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso do Sul e Mato Grosso, no cerrado.

 

Morfologia: Altura de 5-9 m, com tronco de 20-30 cm de diâmetro. Folhas compostas paripenadas, com 3-6 pares de folíolos glabros, de 6-12 cm de comprimento por 3-5 m de largura. 

 

Fenologia: Floresce durante os meses de agosto-setembro. A maturação dos frutos verifica-se nos meses de agosto-setembro, quase simultaneamente com a nova florada.

 

Época de floração e frutificação: A floração e a frutificação ocorrem no inverno.

 

Amadurecimento do fruto: Junho. 

Sementes Caiçara

Sementes Caiçara, sempre inovando para melhor atendê-los.

Fale Conosco

Rua Coroados, 250 | Brejo Alegre - SP CEP: 16265-000
WhatsApp: (18) 99691-9216
Atendimento: (18) 3646-1337

Siga-nos

Newsletter

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades.

    Centro de Preferências de Privacidade

    Essencias

    Cookies essenciais são cookies necessários para garantir que nosso site funcione corretamente. Eles são usados para coisas como permitir que você navegue em nosso site, salvando informações. O site não pode funcionar corretamente sem esses cookies e só pode ser desativado alterando as preferências do navegador.

    Local cookie

    Advertising

    Analíticos

    Cookies analíticos são cookies que usamos para entender melhor como os visitantes usam e interagem com nosso site. Eles são usados para medir, por exemplo, quantos visitantes acessam nosso site, quais partes do site são mais visitadas e quanto tempo permanecem no site.

    _ga
    Google Analytics

    Other

    pt_BRPortuguese